Seja especialista em gestão de passivo tributário

Realizar a gestão significa que você é responsável por algo. Combine isso com passivo tributário e você terá nas mãos o caminho certo para obter muitos clientes. Ou seja, realizar a gestão do passivo tributário de empresas é garantir que seu cliente não pague impostos desnecessários e esteja em dia com suas obrigações legais.

Vejamos os benefícios desta prática agora mesmo!

Aumenta a competitividade no mercado

O mercado de trabalho está em processo de mudança constante. Por isso, o gerenciamento de tributos em uma empresa consequentemente trará resultados no que diz respeito a evolução na competitividade.

Por que? É um raciocínio muito simples e real. O mercado quer empresas que avançam quando quesito é cumprir obrigações fiscais. E como isso não é comum, se você for um especialista no assunto, as empresas ficarão “de olho” em você.

Entendendo como funciona a gestão do passivo tributário

O primeiro passo é entender e ressaltar o quão claro está seu objetivo. Há a pretensão de que a empresa cresça, mas em quanto tempo e em qual percentual? Define-se, então, que o faturamento deverá aumentar 5% em seis meses, por exemplo. Mas, analisando as vendas que nos últimos 18 meses, é notado que o crescimento em média foi de 8% a cada período de 6 meses, portanto 5% é irrisório nestas condições. Observando o quadro no passado e projetando para o futuro, colocam-se os 8% já previsíveis e aumenta-se, portanto, os 5% que se pretendia.

Esse tipo de questionamento de estudo da empresa nada mais é que o gerenciamento. A gestão é a destinação de recursos avaliados, visando atingir determinados objetivos a curto, médio e longo prazo, num ambiente altamente competitivo e dinâmico.

E por que devemos planejar? Porque a empresa não avança corretamente se não tiver um objetivo.

Aumenta o lucro

Margem de lucro líquido

Essa margem indica quanto dinheiro sua empresa gera com cada venda ou serviço que oferece.

Para calcular, divida a receita total de um determinado período pelo lucro líquido, que pode ser encontrado na demonstração do resultado. Multiplique esse resultado por 100 para determinar o percentual da margem de lucro líquido.

Taxa de crescimento de lucro

Um dos totais encontrados no balanço patrimonial é o lucro acumulado da empresa durante toda a sua existência.

Com o balanço do ano atual e os de anos anteriores em mãos, você pode calcular o crescimento do lucro da sua empresa ano após ano.

Retorno sobre o patrimônio líquido

Ao dividir o patrimônio listado no balanço patrimonial pela receita líquida da empresa, você pode calcular o percentual de retorno sobre o patrimônio, que indica quanto dinheiro seu capital e outros investimentos em patrimônio geram para seus negócios.

Retorno sobre ativos

Especificamente em relação aos ativos do documento, como veículos, imóveis, equipamentos e ativos móveis, o retorno dos ativos mostra quanto dinheiro eles geram, levando em consideração os investimentos feitos na aquisição deles.

Além disso, para obter resultados mais específicos, você pode fazer esse cálculo usando apenas uma parte da receita e um elemento dos ativos.

Por exemplo, uma companhia de seguros que oferece carros corporativos para seus vendedores pode dividir o valor total dos contratos assinados pelo valor do uso do carro utilizado pelo vendedor responsável por realizar essas vendas.

Ou, ao lidar com a abertura de um novo escritório, você pode dividir a receita total pelo investimento de capital feito para abri-lo. Você precisa disso para determinar, dentro de um panorama mais complexo – que envolve outros fatores – o retorno total do investimento  dessa expansão.

Rácio da dívida

Para obter esse índice, é necessário somar os passivos de curto prazo da empresa e dividi-los pelo total de ativos. Em seguida, você pode multiplicar esse resultado por 100 para obter essa proporção na forma de porcentagem.

Analisando este indicador, quanto menor a proporção, melhor é para sua empresa. Se estiver muito alto, é hora de avaliar seus custos e até seus processos, um de cada vez, para diminuir sua dívida e aumentar sua receita bruta e líquida.

 

Artigos relacionados

Você também pode estar interessado

Noticias, artigos e novidades direto no seu email.