Siga-nos no instagram e fique por dentro do dia a dia do Grupo Studio

RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo StudioGeralComo fazer networking

Como fazer networking

Muitas pessoas oferecem conselhos sobre o que é preciso para fazer um bom networking. No entanto, uma coisa é deixada de fora dessa equação: o networking envolve a interação com os outros, portanto, vale a pena perguntar o que uma pessoa comum acredita que é necessário para se tornar ótima.

Um evento de networking profissional é uma ótima oportunidade para se apresentar, fazer novas conexões e até encontrar novos parceiros de trabalho. Para se tornar um “networker” de sucesso, você deve seguir a crença de que “todos têm algo a aprender e ganhar.”

Por isso, fazer networking é um processo contínuo, requer persistência, atenção, organização e boa vontade.

Sendo assim, se queremos causar o tipo de impressão que funciona para construir uma poderosa rede pessoal, precisamos conhecer as expectativas dos outros e ajustar nosso comportamento de acordo.

1. Seja um bom ouvinte 

No topo da lista está ser um bom ouvinte. Nosso sucesso com networking depende de quão bem podemos ouvir e aprender. Quanto mais rápido você e o profissional com o qual está em contato aprenderem o que precisam saber um do outro, mais rápido estabelecerá um relacionamento valioso.

Um bom “networker” tem dois ouvidos e uma boca e deve usá-los proporcionalmente. Quando estiver conversando, ouça as necessidades e preocupações da outra pessoa para encontrar oportunidades para ajudá-la.

Por isso, ao fazer networking, certifique-se de não falar muito. A chave para ser um bom “conversador” é ser um bom ouvinte. Se você pediu conselho ou opinião a outra pessoa, verifique dê a ela oportunidade de oferecer.

Ou, talvez, eles estejam procurando por você para agregar valor ao trabalho deles. Logo, se você fala demais, a pessoa pode sentir que não está interessado no que ela tem a dizer e não tem certeza de que ação tomar com as informações fornecidas. Para ajudar de forma prática você pode fazer (e ouvir as respostas), às seguintes perguntas:

  • Há quanto tempo você está nesta empresa? Ou há quanto tempo você está neste setor?
  • O que você gosta ou não no seu trabalho?
  • Que tipo de treinamento você precisava para esta posição?
  • Qual é a cultura desta empresa?

Por fim, de muitas maneiras, o networking consiste em conectar os pontos. Ouvir permitirá que você ajude as pessoas a fazer as conexões que eles procuram.

2. Desenvolva uma atitude positiva

Sua atitude, ou como você considera as coisas em geral, é a primeira coisa que as pessoas veem em você. Uma atitude consistentemente negativa faz com que as pessoas não gostem de você e afaste as referências.

Por outro lado, uma atitude positiva faz com as pessoas queiram cooperar e se associar a você. É por isso que os profissionais de negócios positivos são como ímãs. Outros querem estar perto deles e também enviarão a eles seus amigos e familiares.

3. Colabore para servir os outros

As pessoas não se importam com o que você sabe, até saberem o quanto você se importa com elas. Ajudar as pessoas a colocar seus projetos em ação é um forte passo para que outros possam conhecer seu trabalho.

As pessoas querem se relacionar com indivíduos que têm uma atitude colaborativa. Você pode ajudar outras pessoas de várias maneiras, desde enviar um e-mail de um artigo relevante ou colocá-las em contato com alguém que tenha conhecimento ou acesso para ajudá-los com um desafio específico.

4. Seja sincero e autêntico

Você pode oferecer ajuda, agradecer e ouvir, mas se você não estiver sinceramente interessado em outra pessoa, ela saberá! As pessoas que desenvolveram habilidades de como fazer networking bem-sucedidas, transmitem sinceridade a todo momento.

O networking se baseia na autenticidade que alguém lhe mostra. Todos nós já vimos pessoas aparentemente boas em networking, mas sem sinceridade. Fingir o que não é, não se sustenta.

5. Acompanhamento

Se você oferecer oportunidades a alguém, não deixe de dar acompanhamento a essa pessoa. Não importa o que seja, pode ser simples ou algo que leve um pouco mais de tempo, no entanto, é importante entender que, quando se trata de networking, parte do sucesso e das boas relações está no acompanhamento.

Se você deseja estabelecer relacionamento com outra pessoa, deve criar um motivo para manter o relacionamento. Por exemplo, se você ler um artigo que contribui para uma discussão que teve durante uma reunião, salve-o e envie-o com uma breve nota sobre o que achou interessante e como você acha que isso poderia beneficiá-los.

Tente encontrar pelo menos duas ou três oportunidades para se reconectar com os membros da sua rede.

Por isso, ao procurar eventos de networking você pode verificar o LinkedIn, que possui uma seção de eventos listados diretamente na sua página pessoal. Lá, você pode encontrar acontecimentos perto de você em um campo em que está interessado.

Depois de se estabelecer em um evento, você pode acompanhar melhor os contatos que fizer, tanto por redes sociais, como de forma presencial.

Ademais, você pode fazer isso seguindo o tópico da hashtag nas mídias sociais para ver quem está postando sobre o evento, entrando em contato com o organizador com antecedência e, algumas vezes, a plataforma de convites.

6.  Prove sua credibilidade

Não importa o sucesso da pessoa, se você não confia nela, não vai querer trabalhar com ela. Por isso, quando você faz uma referência pessoal, está colocando sua reputação em jogo.

Sendo assim, nem você nem qualquer outra pessoa encaminhará um contato para alguém que não é confiável. Portanto, conquiste a confiança.

7. Seja acessível

Você já ouviu esta frase? “As pessoas esquecerão o que você disse e o que você fez, mas nunca esquecerão como você as fez se sentir.”

Pois bem, um networking eficaz começa com acessibilidade e, embora essa característica apareça por último na lista, tudo flui dessa maneira em pensamento e ação.

Cada uma das características deste artigo está ligada à noção de construção. Trata-se de construir relacionamentos comerciais mutuamente benéficos. Somente então você saberá como fazer networking de uma forma poderosa.

Por fim, verifique se o seu perfil on-line está sempre atualizado. Muitas pessoas costumam usar plataformas de mídia social para investigar possíveis candidatos e até verificar suas habilidades e experiência.

Essas poucas regras básicas ajudarão você a ter sucesso em seu networking. Lembre-se, o objetivo do networking é construir relacionamentos. Uma boa rede e confiável pode resultar em novos clientes, parceiros e oportunidades.

Saiba que entender as características de um grande líder é importante, mas é ainda mais importante entender como aplicar essas características. Saiba no que você é bom e trabalhe para aprimorar essas habilidades. Saiba no que você não é bom e se envolva com pessoas que podem ajudá-lo a melhorar essas habilidades.

O mesmo vale para fazer networking. Trabalhar para melhorar suas habilidades e aprender a usá-las efetivamente é o que realmente conta.

Quer saber como alavancar seu negócio? Baixe o e-book: http://negocios.grupostudio.com.br/conheca-7-principais-formas-de-investimento utm expansão

 


SUGESTÃO DE ARTIGOS

Se desejar, leia também: “como captar clientes pela internet”

SUGESTÃO DE VÍDEOS

Ou se preferir, assista: “a importância da revisão fiscal nas empresas”

 


Redação Grupo Studio