RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo Studio Franquias Studio FiscalTaxa de franquia: entenda como funciona!

Taxa de franquia: entenda como funciona!

Taxa de franquia: entenda como funciona!

Abrir uma franquia é uma ótima oportunidade de iniciar um negócio. Com a visibilidade da marca e o conhecimento do franqueador, o sucesso é praticamente garantido. No entanto, é preciso estar atento aos valores que envolvem esse investimento.

Pensando nisso, vamos falar neste post sobre uma das taxas cobradas do franqueado: a taxa de franquia. Você vai entender o que é, como funciona e qual é o objetivo de sua cobrança. Acompanhe!

O que é taxa de franquia?

A taxa de franquia é o valor pago pelo franqueado ao franqueador para ter direito ao uso da marca. Ela também pode ser chamada de taxa de licença, franchise fee, taxa de adesão ou taxa inicial.

Nesse valor, estão inclusos todos os benefícios de uma franquia, como a formatação do negócio e a transferência de know-how.

Hoje em dia, alguns franqueadores estão concedendo isenção na taxa de franquia aos novos franqueados. O objetivo é atrair mais interessados no atual cenário econômico do país e estimular a expansão da marca. Essa é uma prática muito recorrente em franquias de escolas de idiomas, por exemplo.

Entretanto, apesar de parecer vantajoso, esse benefício acaba sendo cobrado de outras formas ao longo do contrato de franquia. A taxa inicial é embutida em outras taxas cobradas durante a parceria.

 

7 conceitos que você precisa dominar antes de abrir uma franquia

Como ela funciona?

No geral, o valor pago a título de taxa de franquia pelo franqueado ao franqueador não é variável. O seu cálculo é realizado de acordo com os valores já gastos pelo franqueador para criação da marca e para a manutenção da rede de franquias.

Em relação a outras franquias, porém, o valor inicial pode ser bem diferente. Tudo vai depender do tipo de negócio e da estrutura oferecida pelo franqueador aos seus franqueados.

Outro aspecto que confere distinção da taxa entre franquias é o reconhecimento da marca. Quanto mais conhecida pelo público, maior será o valor de adesão a ser desembolsado pelo franqueado.

Prazo de contrato e número de franquias já existentes no Brasil também são fatores que influenciam no valor final. Quanto mais longo o contrato, mais alta é a taxa. Da mesma forma, quanto maior a quantidade de unidades no país, maior é o valor de adesão.

Qual é a sua função?

O franqueador cobra a taxa de franquia com o objetivo de liquidar todos os custos que envolvem a entrada de um novo franqueado à sua rede.

Como mencionamos acima, vários benefícios estão inclusos na taxa de franquia. A sua função é de remunerar o franqueador pelo oferecimento dessas vantagens. Confira abaixo as principais:

  • treinamento e capacitação técnica;
  • livros e manuais de gestão do negócio;
  • consultoria para a escolha do ponto onde será instalada a franquia;
  • assistência jurídica e empresarial para a formalização do negócio;
  • consultoria técnica para a adequação do local escolhido;
  • direcionamento e apoio até a data da inauguração.

Muitas vezes, os empresários querem abrir uma franquia e não levam em consideração todos os valores que devem ser investidos.

Além da aquisição ou locação do imóvel onde ela será instalada, da compra do ponto comercial, das obras de adequação e da aquisição do estoque inicial, é preciso considerar também o valor da taxa de franquia.

Assim, considerando que esse é um valor que integra o investimento do franqueado, compreender a sua importância é fundamental na hora de se planejar financeiramente.

Ademais, também é importante que aquele que pretende investir em uma franquia saiba o que está incluso nessa taxa inicial.

Se for só o direito de uso da marca, por exemplo, talvez esse não seja um investimento tão interessante. Por isso, é essencial avaliar tudo o que é oferecido pelo franqueador antes de iniciar esse novo negócio.

A partir da leitura deste post, você aprendeu o conceito, a finalidade e a importância da taxa de franquia para o seu negócio. Agora que você já conhece um pouco mais sobre isso, que tal entender como escolher a franquia certa para você?!


Redação Grupo Studio