RECEBA NOSSO CONTEÚDO DE FORMA GRATUITA DIRETAMENTE NO SEU EMAIL

Grupo Studio Franquias Studio FiscalO que é um franqueado? Entenda de uma vez por todas

O que é um franqueado? Entenda de uma vez por todas

As franquias estão em pleno crescimento, e muitos empresários estão vendo no mercado de franchising a oportunidade de empreender.

Nessa perspectiva, o sistema de franquias é considerado um dos modelos de negócios mais bem-sucedidos do mundo, já que, ao comprar a franquia, o franqueado administrará uma empresa que possui licença e o direito de utilizar uma marca que já possui autoridade no mercado.

Como seus produtos já foram testados e aprovados, as chances de quebrar são bem menores — assim como os riscos gerais relacionados ao empreendimento.

Contudo, antes de investir no segmento, é importante conhecer as obrigações de cada lado. E para esclarecer as principais dúvidas sobre o assunto, abordaremos algumas questões neste post. Confira!

 

O que é um franqueado?

Para quem não sabe o que é um franqueado, saiba que essa é a denominação dada para quem compra o direito de administrar uma unidade de uma rede de franquias.

Em outros termos, um franqueado é a pessoa que assinou um contrato com o franqueador, tornando-se, dessa maneira, um empresário franqueado daquela marca. A definição passa a existir após a aprovação do perfil por parte da franqueadora e o pagamento da taxa de franquia por parte do empreendedor.

Após o acordo feito, ambas as partes têm deveres e obrigações diferentes dentro do negócio. Tanto o franqueado quanto o franqueador possuem responsabilidades que deverão ser cumpridas para que a saúde da unidade não seja afetada.

Antes de fechar o contrato, o futuro franqueado deverá analisar todas as informações contidas na Circular de Oferta da Franquia (COF) com muito cuidado. Entre outras coisas, nesses documentos estão contidos todos os deveres e responsabilidades do franqueado e do franqueador dentro da operação da unidade.

 

7 conceitos que você precisa dominar antes de abrir uma franquia

Quais são os direitos e deveres do franqueado?

Direitos

O franqueado tem direito a receber o know-how e as instruções necessárias para aplicar o modelo de negócios em sua unidade. Além disso, é direito do franqueado receber o treinamento necessário para aprender todos os aspectos relevantes relacionados ao negócio e à sua operação e padronização.

O acesso fácil e rápido aos guias e ao suporte da franqueadora é outro direito essencial para o estabelecimento e sucesso da unidade.

Deveres

O franqueado tem o dever de seguir todas as regras e padrões implementados pela franqueadora. É muito importante manter o padrão sugerido pela rede. Uma mudança realizada e que não esteja de acordo com as diretrizes da franquia pode trazer uma série de problemas, tanto para a unidade quanto para o franqueado.

O dono da unidade também tem o dever de arcar com todos os gastos e custos relacionados à operação e administração de sua unidade. Isso inclui o pagamento de funcionários, reposição de insumos e todos os gastos relacionados ao dia a dia da franquia.

Também é dever do franqueado pagar todas as taxas relacionadas à franquia, como os royalties e a taxa de publicidade.

Os direitos e deveres do franqueado poderão variar de acordo com a rede de franquias. Mas, adjunto com o franqueador, ele deverá trabalhará para promover a unidade e os bens/produtos/serviços comercializados pela marca.

Depois de saber o que é um franqueado, chegou o momento de se aprofundar mais nesse segmento bastante promissor e descobrir por que investir em franquias é um bom negócio para você. Boa leitura!


Redação Grupo Studio